Keira Knightley faz declaração sobre caso Harvey Weinstein

Keira Knightley juntou-se ao corpo de artistas que estão condenando veementemente o produtor Harvey Weinstein, acusado de inúmeros assédios sexuais contra atrizes hollywoodianas. Weinstein é o produtor de dois dos maiores sucessos de Keira Knightley, ‘Mesmo Se Nada Der Certo‘ (Begin Again) e ‘O Jogo da Imitação‘ (The Imitation Game), este último lhe rendendo uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 2015. Keira, que já foi fotografada a lado de Weinstein nas festas de divulgação de seus filmes, disse que estava “profundamente chocada” com os relatos sobre seu “comportamento nojento”, em uma declaração enviada para o site da revista The Telegraph:

Trabalhei com o Sr. Weinstein duas vezes e, apesar de ter sido otimista na sua comercialização dos filmes, ele sempre foi profissional comigo. Estou profundamente chocada com os relatos de seu comportamento nojento.

Eu tinha ouvido rumores sobre seus ataques e bullying [contra artistas], mas não dos casos de assédio e abuso sexual que estão surgindo agora.

Gostaria de aplaudir a extraordinária bravura das mulheres que estão se manifestando. É somente através de atos de bravura como este que veremos mudanças.

Eu acredito que precisamos de uma discussão séria sobre o tratamento das mulheres no local de trabalho e a cultura que permite que pessoas como o Sr. Weinstein, de maneira tão horrenda, abusem de seu poder. Seria ingênuo assumir que este é um caso isolado no setor cinematográfico ou qualquer outro e, enquanto as mulheres permanecem tão sub-representadas em todas as profissões e na política, elas continuarão em risco.

Fonte